domingo, março 20, 2005

O folar de Valpaços



Cozido em formas geralmente de barro ou argila, rectangulares, que lhe dá uma textura e sabor muito particulares. Para além da farinha, ovos e azeite, da receita que passa de geração para geração, também constam carne de porco, enchidos, coelho e galinha.
Este pitéu deve ser comido fresco e acompanhado por chá de cidreira ou cevadinha.

Mas há quem não o dispense ao pequeno almoço com um bom café ou mesmo café com leite!

2 comentários:

Pedro Pinto disse...

Eu seria dos que apreciaria o folar ao pequeno almoço. Nada como qq coisinha leve para começar o dia... Ou como dizia o Tio Zé, qq bifinho de 800 gr. serve para entrada. Näo se esqueçam de tirar fotografias (muitas) para depois partilharem aqui no "P'ra lá do Maräo.

JPinto disse...

Olá Pedro. É pena não ires para apreciares a comida tradicional de Trás-os-Montes. Vai ser só coisitas leves.... por causa da tripa. Tipo, enchidos... posta mirandeza, cabrito assado no forno, doces regionais, bem e depois ainda se pode comer as dietas..... Não há problema que o tio Luis de leiria leva umas pastilhas para tomar antes de comer para preparar o bucho...Beijos para os Canadienses.