terça-feira, abril 05, 2005

De Volta

Ora vivam todos. Como vos tinha contado la fomos passar o fim-de-semana da Pascoa fora. Foi muito giro e divertimo-nos bastante. Ainda nao fiz a transferencia das fotografias para colocar no Blog.
Por aqui vamos andando rijos (pudera com o frio que ainda por aqui anda ...) e de saude.
O meu barbeiro, o Sr Artur, tambem eh transmontano. No outro dia quando la fui cortar o cabelo cai em dizer-lhe que a minha familia era de la. Bom, o homem ficou encantado e nao parava de falar. Apesar de eu lhe dizer que ja ninguem la vivia, falava daquelas terras todas e dos quilometros entre umas e outras (e eu que sim e pois, a fazer um ar de quem estava a ver perfeitamente onde ficava tudo aquilo) dos petiscos, e a maquina zzzzzzzzzz, enfim, a paginas tantas disse-me. "Olhe eu acho que que hoje vou usar um pente mais curto na maquina, porque lhe ficava melhor" e eu, "Forca Artur...". Enfim sai de la prontinho para jurar bandeira. G'anda Artur! A coisa foi de tal ordem que acho que nao preciso de la voltar por uma temporada boa, a nao ser .... O bom do Artur eh barbeiro como ja vos disse, mas as segundas-feiras faz uns petiscos na cave da barbearia (?) pelo que fui convidado para passar por la uma destas segundas-feiras. Tenho de ponderar bem no assunto. Cheira-me que deve ser coisa para meter "baixa" da parte da tarde e a chazinhos para a figadeira por uma temporada. A ver vamos.

Pedro

4 comentários:

Fernando Amaral disse...

É isso mesmo, Pedro!
É imperdível, um convite desses.
Depois, os confrades de cá querem saber como correu a comezaina.
Um abraço.

Mário Amaral disse...

Viva oh careca!

Eu também acho que o cabelinho curto te fica a matar...
Quanto à comezaina só te fica bem fazeres jus à tradição transmontana e, já agura, beirã.
Nós, por cá, todos bem.
Saudades para todos e um abraço ao Artur.

JPinto disse...

Ganda Pedro
É claro que o amigo Artur é cá dos nossos. Vê lá o que ele te poupa em cortes de cabelo !!!Já compraste um gorro pró frio?
E ainda te convida para a confraria dele... Aproveta e leva umas pastilhas para a digestão...mas vai-te pesando de vez em quando.
O teu irmão é que não arranca. Está mudo e quedo. Aperta com ele.
Um abraço à família toda.

Ana Paula Zeferino disse...

Não!
E roubam-nos assim, sem mais nem menos, os caracolitos loutros do Pedro?

Que desfaçatez!

Paula, vê se exiges a preservação desse património de memórias familiares que são os caracolitos louros do Pedro.

Beijinhos!